terça-feira, 30 de março de 2010

Confiança, Integridade, Lealdade e Carácter

A revista Fortune de 22 de Março apresenta a lista das 50 empresas all-stars. As mais admiradas companhias foram escolhidas por 4100 executivos, directores e analistas. Tudo parecia até hoje discutível, mas no centro do palco estão a CONFIANÇA, a INTEGRIDADE, o CARÁCTER e a LEALDADE.

Apple, Google, Berkshire Hathaway, Johnson & Johnson, Amazon, Procter & Gamble, Toyota*, Goldman Sachs, Wal-Mart, Coca-Cola são as primeiras 10. No grupo das cinquenta figuram a Microsoft, a Mcdonald’s, a Walt Disney, a BMW, a Nike, a Pepsico, a Starbucks, a Intel, a HP, a Nestlé, a Sony, a Nokia, a L’oréal e a Volkswagen tão nossas conhecidas.

* A Toyota está aqui cotada, mas os problemas de segurança actuais com os seus automóveis, o acelerador e o travão, vão ter repercussões num futuro próximo. Warren Buffet, CEO da Berkshire Hathaway, n.º 3, desabafa assim: «Pode fazê-lo num dia, numa semana ou num mês. É um grão de areia no tempo. Mas você pode destruir a credibilidade num ápice e para construí-la levará tempo. Os próximos anos da Toyota deverão ser relevantes.»

Porque estão no topo mesmo no meio da crise? Valores como os apontados parecem ser vagos e imprecisos para os aliar a números, lucros, área financeira, mas o que conta agora é isso mesmo. Ken Chenault, CEO da American Express, cotada em 29.º lugar, afirma: «A vantagem competitiva da confiança nunca foi tão importante e tão valiosa como agora.»
Jim Rohn, uma autoridade em desenvolvimento pessoal, explica: Não há nada de errado com as afirmações, desde que elas sejam verdade. Se você está falido, por exemplo, a melhor coisa que você pode afirmar é “estou falido!”.»

Este ano venceu, mais destacada que sempre, a Apple. A confiança depositada na companhia pelos consumidores «bateu» no máximo. Norbert Reithofer, CEO da BMW, tece um comentário: «Os consumidores da Apple são mais do que consumidores, são fãs. O mundo sustém a respiração nas vésperas do lançamento do Ipad. É a gestão da marca no seu melhor.»