domingo, 28 de março de 2010

O cinco C da mudança de Kets de Vries

Concern, Confrontation,
Clarification, Cristalization, Change

A mudança é dura. A maior parte das pessoas quer que os outros mudem mas não se aceitam a mudar a si próprias. Muitos têm a vontade mas não a habilidade para mudar. Precisam de ajuda para «navegar» na mudança. Como John Keynes escreveu: «A grande dificuldade no mundo não é as pessoas aceitarem novas ideias, mas sim esquecerem as velhas.» Essencialmente, elas precisam sentir as vantagens que os esforços de mudança trazem, porém a cognição, por si só, não é suficiente. Elas precisam também ser tocadas emocionalmente. As organizações são organismos vivos, tal como os seres humanos, reagindo de forma similar ao longo da vida.

Durante a juventude, a personalidade desenvolve-se e muda tão rapidamente como o corpo. Porém, grande parte dos investigadores já concluiu que o desenvolvimento é possível em qualquer idade. Aliás, é inevitável, apesar de todos sermos diferentes (Kets de Vries, 2001, The Leadership Mystique).
Os cinco C ilustram bem o processo que subjaz a qualquer processo de mudança:
Concern, Confrontation, Clarification, Cristalization, Change (De Vries, 2001)

Preocupação (Concern) – Um grande nível de desconforto emocional, ansiedade, raiva, tristeza, frustração, existe num período imediatamente antes da mudança.
Quando as pessoas se apercebem que os seus maus dias se transformam num mau ano, não podem negar de que algo tem de ser feito para mudar a situação.
Confrontação (Confrontation) – O início da aceitação da necessidade de mudança. As pessoas precisam de um empurrão, uma confrontação. Quando se está minimamente preparado, até um evento pode impulsionar à mudança.
Clarificação (Clarification) – Será a exteriorização das suas intenções. Assumir um compromisso público influencia não só a pessoa como o próprio ambiente. É como se fosse um ultimato do tipo: «Vai em frente».
Cristalização (Cristalization) – Nesta fase já os mais duros desafios foram conquistados. As resoluções já estão tomadas, com novos alvos em termos de objectivos.
Mudança (Change) – Uma nova forma de ver a realidade. Este estádio só é possível se a nova visão das coisas já está interiorizada.