sábado, 6 de março de 2010

Uma grande notícia

O jornal i traz hoje, 6 de Março de 2010, uma verdadeira notícia. Uma lufada… Todos os dias, ficamos intoxicados com as… «notícias» da TV e dos jornais. É tudo mau, negativo, parece até que o mundo está podre. E no meio de todo este deserto de novidades trágicas, uma flor no universo jornalístico noticioso:

«O pé-de-meia da Noruega para as gerações futuras
cresceu 25% em 2009» é a notícia do i.

A Noruega tem um fundo e «investe parte do excedente das receitas milionárias da exploração do petróleo e do gás natural no mar do Norte, guardando a poupança para as gerações futuras, para quando os recursos naturais de esgotarem», explica o i.
Estes noruegueses são mesmo seres superiores. Que nível de responsabilidade, que consciência, que preocupação com os seus descendentes, que cautela com o bem-estar dos seus cidadãos. Um sentido de gestão realmente superior.

«Em 2008, a crise levou 23% do fundo; com a recuperação dos mercados accionistas até ao início do quarto trimestre do ano passado, o retorno do fundo subiu 25,6%» (…) «… A Noruega criou um conselho de ética que excluiu em Janeiro deste ano, 2010, 17 tabaqueiras do fundo (por uma questão de responsabilidade social)»

Mais uma vez, os noruegueses têm um sentido social bem acima da média. A ganância aqui não tem grande futuro, pois esse é desenhado de forma que as pessoas não tenham de abandonar o país para procurar melhor. O melhor é lá.

E para finalizar este bálsamo da gestão, «a economia norueguesa resistiu bem à crise económica mundial, tendo contraído 1,1% em 2009 (zona euro encolheu 4%). O país tem menos de 5 milhões de habitantes e a taxa de desemprego mais baixa de toda a Europa, próxima dos 3%.»

Apetece o quê depois de saber o que se faz na Noruega?